Dicas para saúde da mulher

0 216

Questões relacionadas à saúde nos deixa sempre em alerta, ainda mais quando se trata da saúde da mulher. Elas que devem ter tantos cuidados, não somente consigo, mas acabam se preocupando com a família e principalmente os filhos.

Tendo de enfrentar tantas coisas, ainda há a sociedade, que faz com que elas enfrentem por mais problemas, que são encarados todos os dias, por diversas mulheres, que sofrem de abuso sexual, assédio, discriminação, violência doméstica, desigualdade social e de gênero.

É fundamental que a mulher se cuide, mas não apenas da saúde física, e sim também da saúde mental, afinal, as mulheres têm uma vida corrida, devido a sua dupla ou tripla jornada de trabalho, tendo que trabalhar fora, em casa, cuidando dos filhos e da casa. Portanto, o cuidado com a saúde mental é imprescindível.

Com isso decidimos alertar alguns cuidados que devem ser tomados com a saúde delas.

Mostrando 5 dicas de alguns cuidados que as mulheres possam inserir em sua rotina para melhorar sua saúde e bem-estar.

Dicas para cuidados com a saúde e bem-estar das mulheres

1             Ter uma alimentação saudável

Tudo começa com um prato bem colorido, e isso se dá com a inserção de legumes e verduras, principalmente folhas cruas. Alimentar-se de forma equilibrada pode melhorar a sua saúde, ajudando também na perda de peso.

Portanto, quanto mais cores seu prato tiver, maior sua quantidade de nutrientes. Opte por diminuir os alimentos industrializados, principalmente os enlatados, e fracione suas refeições para que se alimente de 3 em 3 horas, com alimentos nutritivos e saudáveis.

2             Visitar ginecologista regularmente

A mulher é mais predisposta a doenças do que os homens devido a seus hormônios. Portanto, regularmente visitar o ginecologista, realizar os exames rotineiros, para detectar se há alguma doença ainda que em fase inicial, será mais fácil de ser tratada.

Como no caso da endometriose, uma doença bastante dolorosa e considerada como silenciosa, se não descoberta ainda cedo, pode gerar graves complicações no corpo da mulher. O exame que detecta essa doença é um tipo de ultrassonografia na região pélvica, assim que identificada deve ser realizado seu tratamento.

3             Controle o estresse

Como dito, a saúde mental deve ser muito bem cuidada, portanto, controle seu estresse.

Procure fazer atividades que lhe sejam agradáveis, pois o estresse pode causar desde depressão e ansiedade até inflamações no corpo e doenças cardíacas.

4             Método contraceptivo

Nem tudo o que é bom para uma pessoa é bom para outra, certo? Isso vale para medicamentos e métodos contraceptivos.

Então, converse com o médico ginecologista e peça para que lhe indique o que for melhor para você, que se adéque ao seu organismo e estilo de vida. Existem muitos métodos, como pílulas, injeções, DIU, portanto escolha o que se adaptar melhor a sua vida.

5             Faça exercícios físicos

Se movimentar é preciso! Aderir a sua rotina a prática de exercícios físicos, e fazê-los regularmente faz com que melhore seu bem estar, sua postura, fortalece a musculatura, entre tantos outros benefícios. Não precisa ser por muito tempo, apenas meia hora no dia, 5 dias por semana, já é o suficiente e indicado pela OMS, o importante é se mexer.

Converse com profissionais da área e veja qual tipo de exercício é melhor para você. A prática de exercício físico ajuda a manter as pessoas mais animadas, bem-humorada e com mais disposição.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.